quarta-feira, 17 de março de 2010

terça-feira, 16 de março de 2010

domingo, 14 de março de 2010

Mar como Jesus amou

“Jesus sabia que tinha chegado a sua hora de passar deste mundo para o Pai; tendo amado os seus que estavam no mundo, amou-os até o fim” (Jo 13,1bc).

Este amor extremo de Nosso Senhor Jesus Cristo precisa ser experienciado por cada um de nós. Muitas pessoas têm dificuldade de se deixar amar, sentem-se até agredidas com isso. No entanto, fomos feitos para amar e ser amados e o que dá sentido à nossa vida é o verdadeiro amor, porque sem ele nada tem razão de ser.

Muitos ainda têm medo de amar e de se deixar amar porque já foram traídos, por essa razão, carregam dentro de si a decepção e a desilusão; mas, hoje, precisamos fazer a experiência do verdadeiro amor, que vem de Deus e nos faz livres, porque o “verdadeiro amor lança fora todo o temor”.

Queiramos experimentar este amor extremo de Jesus por nós, que se atualiza neste dia que se chama hoje.

Senhor, faz-nos conhecer o Teu amor.

A Eucaristia é o alimento. Ninguém vive sem se alimentar. Para viver, dependemos não só da comida, mas também do pão da fraternidade, do carinho, da justiça. Nessa experiência de repartir o pão de cada dia, seja o pão de trigo, seja o pão da dor ou da alegria, Deus está presente. Celebrar a Eucaristia é também uma denúncia contra a falta de fraternidade que existe no mundo; porque na Eucaristia comemos do mesmo pão, quando na vida falta pão para tanta gente. Acreditamos e celebramos tudo isso na comunhão. A Eucaristia é Deus mesmo se repartindo como pão, na doação de Jesus.

"A Eucaristia é o memorial da Paixão, Morte e Gloriosa Ressurreição do SENHOR JESUS, que une os cristãos ao redor de um único Altar, ao mesmo tempo em que conduz cada fiel até DEUS e traz DEUS até ele."



Confie...

As coisas acontecem na hora certa.

Exatamente quando devem acontecer!

Momentos felizes, louve a Deus.

Momentos difíceis, busque a Deus.

Momentos silenciosos, adore a Deus.

Momentos dolorosos, confie em Deus.

Cada momento, agradeça a Deus

"Não há nada melhor
para o ser humano do que
ser feliz e
praticar o bem
enquanto vive" (Ec:3,12)

Lembrem-se, mesmo quando você não está vendo.

Ele continua lá






sábado, 13 de março de 2010



Quaresma é conversão, mudança interior, avanço no conhecimento e amor de Cristo.

Bento XVI – “ O ser humano não é o arquiteto do próprio destino. Nós não criamos a nós mesmos”.
Portanto, conversão é rendição; aceitar que somos criaturas e que dependemos totalmente de nosso Deus Criador.
Purificação interior – A Igreja nos propõe alguns exercícios específicos [...]

A Quaresma, tempo de reconciliação.
Quando os cristãos cometiam pecados muito graves e públicos, nos primeiros séculos da igreja, eram excomungados, isto é, eram expulsos da comunidade. Se mais tarde essas pessoas se arrependiam e queriam reconciliar-se com Deus e com a Igreja, não eram readmitidas imediatamente na comunidade. Era preciso que antes fizessem penitências pública, [...]

O que fazer durante a Quaresma?
Desde os tempos antigos, a Quaresma foi considerada como um período de renovação da própria vida. As práticas a serem cumpridas eram sobretudo três: a oração, a luta contra o mal e o jejum.
A oração para pedir a Deus a força para se converter e para crer no Evangelho.
A luta [...]


A BÍBLIA DEVE SER LIDA COM FÉ
Deus é o autor da Bíblia. Foi Ele quem a escreveu, usando de mãos humanas. Homens e mulheres a redigiram, Inspirados por Ele. A Bíblia revela as suas riquezas quando lida com fé. A fé é caminho privilegiado para se chegar ao seu autor: Deus. Quem lê a Bíblia [...]

A BÍBLIA DEVE SER LIDA À LUZ DAS NOVAS DESCOBERTAS CIENTÍFICAS
Os autores humanos da Bíblia dispunham de conhecimentos limitados do universo e dos mecanismos que o movem. Por isso, transmitiram o que se sabia na época e, não raro, repassaram dados equivocados ou, pelo menos, imprecisos a respeito do universo. Toda descoberta científica ajuda o [...]
O QUE É CATEQUESE?
A catequese é como um sino que faz chegar longe a mensagem da Palavra de Deus. Leva o anúncio do Reino a ecoar forte no coração do mundo. Convida todas as pessoas a uma adesão firme e decidida ao projeto de Jesus. É a missão que Jesus confiou aos apóstolos e que [...]

TIPOS DE CRISTÃOS EM NOSSAS IGREJAS

O "Cristão de IBGE" - porque só se descobre que é cristão em questionário;

O "Cristão INSS" - que acredita que Igreja é para idosos e idosas;

O "Cristão socialite" - pois só aparece em ocasiões sociais, como casamentos, batizados e enterros.

O "Cristão doente" - Pensei que fosse alguém doente pela Igreja, assim como alguns são "doentes" por seus times de futebol, mas não; é aquele que só procura a Igreja quando não tem mais jeito mesmo; está nas últimas.

O "Cristão Turista" - que só aparece na comunidade aos domingos ;

O "Cristão político" - dá o ar da graça de quatro em quatro anos, faz promessas aos santos e ao povo e some.

O "Cristão celeste" - porque vivem olhando para o céu e não querem ouvir nem se preocupar com as coisas da terra.

Ou o "cristão fiel" - aquele católico que segue fielmente a Jesus, que leva a palavra a todos os povos, que vai a missa regularmente, que tem trabalhos em sua comunidade e que não nega o Salvador. (Só responda esta, se você se adequara todas as qualidades)

Então qual destes você se encaixa?

Se não procuras a intimidade
com Cristo na oração e no Pão,
como podes dá-Lo a conhecer?


quinta-feira, 11 de março de 2010

Dinâmica: O Artista
Material: Lápis e papel.

Descrição: O catequista pede para todos fecharem os olhos. Peça a cada um que desenhe com os olhos fechados uma:

- Casa
- Nessa casa coloque janelas e portas
- Ao lado da casa desenhe uma arvore
- Desenhe um jardim cercando a casa, sol, nuvens, aves voando
- Uma pessoa com olhos, nariz e boca
- Por fim peça para escreverem a frase a baixo:
- SEM A LUZ DE DEUS PAI, DEUS FILHO, DEUS ESPÍRITO SANTO, TUDO FICA FORA DO LUGAR.

Peça para abrirem os olhos e fazer uma exposição dos desenhos passando de um por um.

Comentário: Sem a luz e a presença da Santíssima Trindade, toda obra sai imperfeita. Deus é única luz. Sem ela só há trevas.

Oração simples à Santíssima Trindade

Pai, Filho e Espírito Santo,

Santíssima Trindade acompanhai-me toda a vida,

dai-me sempre guarida, tende de mim piedade,

Pai Eterno, ajudai-me,

Verbo de Deus, abençoai-me,

Espírito Santo, alcançai-me proteção, honra e virtude,

nunca a soberba me ataque e sempre busque o bem,

com a Santíssima Trindade para sempre.

Amém.

Conheço tuas obras, teu trabalho e tua paciência: não podes suportar os maus, puseste à prova os que se dizem apóstolos e não o são e os achaste mentirosos. Tens perseverança, sofreste pelo meu nome e não desanimaste.Apocalipse 2,2-3




Você em algum momento de sua vida como catequista já pensou alguma vez em desistir de tudo? Simplesmente abandonar e fugir? Talvez você estivesse assim ontem, ou esteja assim hoje… Talvez o seu coração esteja tão ferido e você esteja se sentindo tão sufocada e decepcionada que parece mesmo que vai explodir de tanta dor…Este é o seu retrato?Será que desistir de sua missão é a solução?

Como catequista lidamos com pais descompromissados e que muitas vezes irritados falam o que não sabem, e agridem o nosso trabalho e empenho, e lidamos algumas vezes com aqueles catequisandos que dificultam o nosso trabalho e dispersam as atenção dos demais, é nesse momento em que alguns de nós pensam em fugir daquilo tudo, afastar, dar um tempo. Mas sempre neste momento aparece aquele pai atencioso e aquele catequisando compreensivo que sabem lhe dizer uma palavra sabia em um momento de confusão, isso nos conforta.

Há pessoas que desistem da missão, isso de alguns modos diferentes…

O primeiro deles é parando de lutar. É quando você perde as esperanças, a motivação, as forças e simplesmente se cansa, resolve pendurar as “chuteiras”, jogar a “toalha”, e “levar o barco como der”…

O segundo modo, é fechando o seu coração para a fé em Deus e em Sua Palavra. É quando, de repente, você se percebe cínico diante das promessas de Deus; você não consegue mais crer no poder de Deus em nossos dias, ou, pelo menos, para agir em seu favor e em sua vida…

O terceiro, é entregando-se à depressão. Você se entrega ao desânimo e aos pensamentos de que você não pode, nunca vai conseguir, você não tem valor, de que Deus te desamparou, e que nada mais vale a pena, de que você está só e que ninguém vai compreender sua dor …

Outro modo, é afastando-se de tudo e de todos. Você se decepciona, se frustra, se enoja com as atitudes e traições das pessoas, e resolve desistir de investir na vida humana…

Alguns ainda, sendo cristãos, saem da igreja. Eles se ferem nos relacionamentos, se decepcionam com alguém, ou, até com eles mesmos, e vão deixando, pouco a pouco, de estar na comunhão do corpo de Cristo… até que, quando percebem, estão longe; tão longe, que não sabem mais o caminho de volta…esse é o meu maior medo.

Outro modo de desistir é só existindo. Sabe como? Só deixando o barco correr e vendo no que vai dar…

Alguns desistem por causa do cansaço da batalha, pela vergonha do que estão passando, pela falta de direção sobre o que devam fazer, por acharem que não sabem “jogar este jogo” da vida, por causa de um sentimento de não aceitar passar por uma perda…

Nesta vida, muitas coisas tentam nos roubar a esperança: Por exemplo, as cobranças contínuas e as vezes desnecessárias das pessoas à nossa volta dizendo: “Você não pode perder; não pode falhar; meu filho vai fazer a crisma? Não serei mas madrinha? Minha filha esta preparada para a eucaristia, e por qual motivo ela não fará? Cuidado pois desta maneira como vocês agem, vocês acabarão afastando as crianças da igreja…”; ou as invejas das pessoas à nossa volta, seus julgamentos maldosos, a nossa própria auto-crítica exagerada (você mesmo se cobra tanto que se desespera; nunca consegue se satisfazer…), ou, então os erros que cometemos repetidas vezes e passamos a pensar que nunca vamos conseguir acertar; as decepções com os amigos, com a religião, com nossas próprias atitudes… Mas o pior de tudo é quando pensamos que Deus nos abandonou: que Ele está muito ocupado; que você cometeu um pecado muito grave, que você não consegue agradá-Lo, que a sua fé é pequena demais… Querido, isto não é verdade! Deus ama você!

Não importa o que esteja acontecendo: Não desista da sua missão! Deus não desistiu de você! Ele ama você! Ele tem um plano para a sua vida!

Em meio a todo este caos, Deus se importa com você! Isto não é uma religião! É conhecer a Deus e andar em Sua presença cada dia.

O segredo é continuar! Nunca se entregar ao desespero e ao desânimo. Está doendo? Continue, não desista! Está dando vontade de fugir e abandonar a vida? Continue, confie em Deus, não desista! Busque a Deus com todo o seu coração!

Ouça isto: Deus ainda não terminou com você! Ele diz em Filipenses 1:6 – “Tendo por certo isto mesmo, que aquele que em vós começou a boa obra a aperfeiçoará até ao dia de Jesus Cristo”.Jesus disse a nosso respeito em João 15:16 – “Não me escolhestes vós a mim, mas eu vos escolhi a vós, e vos nomeei, para que vades e deis fruto, e o vosso fruto permaneça; a fim de que tudo quanto em meu nome pedirdes ao Pai ele vo-lo conceda”.Em Hebreus10,39, podemos ver que“Não somos, absolutamente, de perder o ânimo para nossa ruína; somos de manter a fé, para nossa salvação!”

segunda-feira, 8 de março de 2010

Durante a Missa há uma altura especial em que nós nos lembramos do sacrifício que Jesus fez por nós. Esta altura é a comunhão. A palavra Comunhão significa união e é durante esta altura especial que nós acreditamos que estamos em união com Cristo. A tua Primeira Comunhão será a primeira vez que receberás o corpo e o sangue de Jesus. É um dia muito especial e muito bonito. É também neste dia e como é tradição o teu vestuário será todo branco sinal de pureza e livre de pecado assim como no dia do teu Batismo.

A Missa é uma celebração especial para todos nós católicos, onde nos juntamos a celebrar a palavra de Deus. É claro que celebramos Deus todos os dias mas a Missa de Domingo tem um significado especial visto ter sido o dia que Deus escolheu para descansar e dar graças por tudo o que tinha feito. Assim nós também nos juntamos ao Domingo na Igreja coma as nossas famílias e amigos a louvar e a dar graças a Deus por tudo o que Ele nos dá e a partilhar em comunidade o Sacramento da Santissima Comunhão. Presta a tenção e verás que aprenderás muito mais sobre Jesus no decorrer do ano de catequese.


RECONCILIAÇÃO

Pediste perdão a um amigo, pai, irmão ou a qualquer outra pessoa? Na confissão é a altura apropriada para pedir perdão a Deus. Esta será a tua primeira experiência a pedir perdão tal como os adultos fazem. Também chamamos esse sacramento, o Sacramento da Confissão ou Penitência. No dia da tua primeira confissão, virás à Igreja, sentar-te às ao lado do sacerdote e lhe dirás todas as tuas faltas. Não fiques Nervoso! O sacerdote só quer falar contigo e ajudar-te a te tornares numa melhor pessoa dando-te bons conselhos. Deves fazer uma confissão antes de receberes o sacramento da eucaristia. Lembra-te que deves sempre de estar em espirito de paz e com um coração puro quando receberes a tua Primeira Comunhão.

“SEDE ALEGRES NA ESPERANÇA, PACIENTES NA TRIBULAÇÃO

E PERSEVERANTES NA ORAÇÃO.” (RM 12,12)

Sorriso Milionário

Material: bolinhas de papel amassado

Procedimento: Essa dinâmica é usada para descontrair e integrar o grupo de uma forma divertida. Cada bolinha vale R$1.000,00. O líder distribuirá para cada pessoa do grupo 5 bolinhas de papel, essas deverão estar dispersas no local onde será realizada a brincadeira. Dado o sinal as crianças deverão sair e procurar um companheiro, em seguida devem parar em sua frente, olhar fixamente nos olhos desse companheiro que por sua vez não pode sorrir. Quem sorrir primeiro paga uma bolinha para a criança a quem sorriu. Vence quem terminar a brincadeira com mais “dinheiro”, que será o milionário.

domingo, 7 de março de 2010















DOMINGO DE RAMOS





Quando eu era criança não entendia muito bem a Páscoa. 
Só adorava procurar os ovinhos de chocolate que o coelhinho escondia. 
Mas, o que tem a ver coelho com ovos, seus símbolos, com a
Ressurreição de Jesus ou a fuga dos hebreus do
Egito comandada por Moisés? 
 
Agora sei qual a relação de tudo isto. 
 
Os ovos são o símbolo do nascimento. 
Ali dentro, uma vida por vir ao mundo. 
É o eterno milagre da vida que renasce todos os dias. 
 
O coelho é o animal que se reproduz com uma velocidade estonteante,
É uma ode à família, uma declaração de amor que a natureza faz todos dias. 
Renascer é nascer novamente, somos nós mesmos que renascemos nos nossos filhos,
É a vida que se pereniza na prole. 
 
A fuga dos hebreus é o fim da escravidão de um povo. 
A escravidão equivale à morte, escravizar equivale a tirar a vontade e a
Alma de alguém equivale a tirar sua vida. 
Se libertar da escravidão é viver de novo, é renascer,
É estar sempre começando tudo de novo. 
Por fim, Jesus é a ressurreição. 
Quer prova mais clara do que digo? 
Este eterno milagre que nos encanta é o milagre da vida
Que a Páscoa nos relembra.
 A Páscoa é a ressurreição das nossas almas. 
Este é o dia de renascer, começar tudo de novo. 
De nos libertamos do mal que corrompeu nossas almas
E nos recobrirmos com o véu da pureza da alma que tivemos um dia.
 Abandonar tudo o que é velho e antigo e olhar pra frente com coragem. 
Nos dedicarmos à vida como quem sorve o sumo de um fruto saboroso. 
 
Hoje é dia de renascer. 
 
Feliz Páscoa para você e todos que você ama.
 

Só Deus...

Só Deus pode criar,
mas você pode valorizar o que ele criou.

Só Deus pode dar a vida,
mas você pode conservá-la e respeitá-la.

Só Deus pode dar a paz,
mas você pode dar e semear a união.

Só Deus pode dar a força,
mas você pode amparar os seus irmãos.

Só Deus pode dar a esperança,
mas você pode restituir a confiança ao próximo.

Só Deus pode dar o amor,
mas você pode ensinar a amar.

Só Deus pode dar a alegria,
mas você pode sorrir para todos.

Só Deus pode fazer milagres,
mas você pode fazer o sacrifício.

Só Deus é a vida,
mas você pode dar aos outros, a alegria de viver.

Só Deus pode fazer o impossível,
mas você pode fazer tudo o que está ao seu alcance.

Só Deus basta a si mesmo,
mas ele prefere contar com você !!!


Extraído do site Mais Você
Autor Desconhecido

sexta-feira, 5 de março de 2010

a) A missa é festa de fraternidade e de celebração da vida.
b) A missa é uma festa de encontro com Jesus Cristo e com os irmãos, onde a vida se faz presente com seus anseios e angústias, alegrias, esperanças e lutas.
c) Importante é ir à missa com a família e os amigos.
d) Muitas pessoas não vão à missa porque dizem que não tem tempo.
e) Muitos cristãos só vão à missa na festa da Páscoa.
f) Missa é compromisso com os excluídos de pão.
g) Os horários da missa não permitem uma maior participação dos cristãos.
h) Muitos cristãos pouco conhecem a Jesus e, por isso, não sentem necessidade de celebrar a Eucaristia.
i) A missa é para aqueles que têm vontade.
j) A missa é uma obrigação.
k) A missa é ação de graças, é memorial, refeição e presença real de Jesus Cristo na comunidade cristã.
l) Muitos gostam de algo festivo e a missa é celebração apagada sem participação.